Servicos Analiticos >> Pacotes de análises >> Legionella

Análise de Legionella

Sidebar Image

As bactérias do género Legionella são aeróbias e existem mais de 50 espécies diferentes, 17 das quais podem levar a doenças em seres humanos, sendo a Legionella pneumophila reconhecida como a mais patogénica. Estas bactérias causam a conhecida doença do legionário, divulgada pela primeira vez em 1976. A doença manifesta-se como uma forma grave de pneumonia e tem como sintomas tosse, febre e dores musculares.

Transmissão

As bactérias do género Legionella são transmitidas principalmente pela inalação de gotículas de vapor de água contaminada (aerossóis), de dimensões tão reduzidas que possibilitam a deposição destas bactérias nos alvéolos pulmonares.

Possíveis fontes destes aerossóis são:

  • Sistemas de arrefecimento (torres de arrefecimento, condensadores evaporativos, humidificadores e sistemas de ar condicionado);
  • Redes prediais de água quente e água fria;
  • Sistemas de água climatizada de uso recreativo.

A título de exemplo, estas fontes podem ser encontradas em:

  • Casas e apartamentos;
  • Piscinas;
  • Chuveiros e saunas;
  • Hospitais;
  • Hotéis;
  • Centros comerciais;
  • Dormitórios;
  • Instalações desportivas.

Uma infecção pode ocorrer tanto em ambiente profissional como doméstico.

Ocorrência e propagação

As bactérias do género Legionella são bactérias ambientais típicas e encontram-se em águas doces e salgadas, águas subterrâneas e de superfície, bem como em solos, lamas e composto. Geralmente encontram-se em concentrações baixas, como um componente natural da água para os seres humanos e portanto inofensivas. As bactérias do género Legionella são um factor de risco em condições favoráveis para se desenvolverem.

Legislação

Não existem quaisquer valores guia ou limite definidos na legislação referente a águas de consumo humano

São definidos valores limite na legislação referente aos Sistemas de Certificação Energética dos Edifícios (SCE), que integra o Regulamento de Desempenho Energético dos Edifícios de Habitação (REH) e o Regulamento de Desempenho Energético dos Edifícios de Comércio e Serviços (RECS):

  • Decreto-Lei n.º118/2013, de 20 de Agosto - Sistema de Certificação Energética dos Edifícios (SCE)
  • Portaria 353-A/2013, de 4 de dezembro

 

Análises à Legionella

Qualquer empresa que esteja aberta ao público, seja na área do turismo, da saúde, alimentar ou outra, não deve pôr em causa a saúde dos cidadãos nem a saúde pública. Neste sentido tem a responsabilidade de tomar todas as precauções e medidas preventivas adequadas para evitar qualquer incidente de saúde dos seus utentes no âmbito do controlo da Legionella.

A Doença dos Legionários é uma Doença de Declaração Obrigatória e sempre que detectada, o Estado Português é obrigado a Reportar ao Centro Europeu para Controle das Doenças (ECDC) e efectuar uma investigação epidemiológica e ambiental. Desde 2004 existe um Sistema Integrado de Controle e Vigilância da Doença dos Legionários.

Como é que a Eurofins pode ajudar?

Efectuamos as análises da Legionella de acordo com os seguintes pressupostos:

  • Norma de referência (EN ISO 11731-2) ou outras;
  • Atendimento personalizado;
  • Resultados em tempo útil;
  • Baixo custo.

 

Consulte-nos para mais informações!